Gosto de ti miúda!

IMG_0396 Pensei muito no post que escreveria no dia dos meus anos, pensei tanto que fiquei com a certeza que não era nada disso que escreveria. Hoje faço anos sim. E posso dizer à boca cheia que tive um ano em cheio. Despedi-me de um emprego chato, conheci pessoas fabulosas, regressei a Alfama com as loiras, casei a minha Mel, espetei-me de carro, Alfama venceu as marchas, enterrei uma tartaruga, despedi-me da minha irmã, a Camila largou a chucha, abri a minha empresa, dei corpo a milhares de projectos novos e viajei para sítios incríveis…mas no final, o mais importante, não foi carimbar o passaporte ou fingir que sou forte, o mais importante nestes 365 dias que passaram desde a última vez que fiz anos, foi ter conseguido aproximar-me de mim como destino e como pessoa. Passado um ano, posso dizer com orgulho, que estou mais próxima de ser a mulher que sonhei. E apesar de ser uma viciada total em viagens, continuo a advogar que o melhor destino do mundo é irmos às profundezas de nós mesmos e resgatar a pessoa que queremos ser. Não é uma viagem em 1ª classe, sai nos do pêlo e sai nos com medo, mas não há nenhum postal ou fotografia, que ganhe ao reflexo orgulhoso de uma alma que se vê ao espelho e o sorriso que esboçamos logo a seguir. Esta viagem está longe de estar terminada, mas já vou sem cinto, com a confiança de quem sabe que as trepidações e os atrasos fazem parte do caminho e que às vezes, se perdem as malas, entre voos e escalas.
Ainda não sei exactamente para onde vou, mas sei que tenho muito menos medo, à medida que sei quem sou.
Gosto de ti miúda!
Estás de Parabéns balança!

Comments

comments