Blog Archives

GANGA NISSO

macacao-15

Sabia nesse preciso momento em que estávamos a fotografar, o “buzz” que seria, o apontamento de lingerie e um pedaço de corpo descoberto.
Sobretudo o teu:)
Não sou tua advogada, sou tua amiga, mas hoje, nem como amiga falo, escrevo apenas como mulher. Porque assisto a isto, vezes sem conta, de forma tão subliminar e tão escancarada.
O pudor é da contabilidade de cada um, tal como a propriedade do corpo. Faço milhares de sessões por ano, muitas delas “boudoir” (sessões de lingerie em estúdio) que não divulgo aqui, porque não é aqui a esfera onde vivem, é na recordação de auto estima que algumas clientes minhas, resolvem oferecer a elas mesmas, às vezes fruto de paixão a outro, outros fruto de um gigante amor próprio. Gosto desses momentos, quando nos vejo a vencer o medo, quando o “que se lixe” fala mais alto “do que é que os outros vão pensar de mim”.
Não há rebeldia nenhuma no exercício do amor próprio, há uma imensa serenidade que nos pacifica com a mente, com o corpo e com o momento.
E fico feliz à séria, quando é através da minha lente que deixo registado esse encontro, tão livre de espartilhos, que vai ganhando cada vez mais terreno no coração das mulheres.

macacao-5

macacao-2

macacao-19

macacao-4

macacao-13

macacao-9

anos-mariana-1

Comentar

MEU, MINHA, NOSSO

all-black-daily-cristina-1

Sexta-feira lançaste um perfume de homem na Moda Lisboa. Estás sempre a lançar coisas.
Identifico-me contigo, nisso. Não consegues estar parada e isso faz com que tudo mexa à tua volta.
Mas na sexta feira não me consegui mexer. Não do sofá, não dos 1001 Dalmatas que estava a dar na televisão e não, do colo das minhas filhas.
Mandei-te uma mensagem a dizer que não ia. Era tão teu quanto MEU o momento. E só porque és um bocadinho MINHA também, percebeste o quanto isto é NOSSO.

Shooting for Daily Cristina
Styling: Joyce Doret
Make-up: Inês Franco
Location: Hotel Inglaterra

all-black-daily-cristina-9

all-black-daily-cristina-2

all-black-daily-cristina-10

all-black-daily-cristina-13

ye2a6324

all-black-daily-cristina-7

all-black-daily-cristina-12

all-black-daily-cristina-4

all-black-daily-cristina-5-copy

Comentar

Não sou dada a muitas extravagâncias.

12087915_1236121763080125_4557126871733434394_o

Não sou dada a muitas extravagâncias.
O dinheiro que não gasto em kits, gasto em livros, vinho, queijos e enchidos. Há anos que não compro um elemento decorativo para as sucessivas casas onde vamos habitando. Hoje comprei umas calças de ganga, porque aquela moda dos buracos, pôs-me o pernão de fora depois de um shooting acrobático.
Mas amanhã faço anos e fui-me “kitar” com toda a legitimidade para o Corte-Inglés, entenda-se, o Supermercado, mais especificamente a zona dos enchidos, mais concretamente o corner do Presunto Pata negra! Há lugares onde nos sentimos sempre felizes. Os meus preferidos são as bibliotecas, os aeroportos e o cantinho do presunto. Investi no 5 Jotas alimentado a bolota, trouxe umas ripas de 200 gramas cortadas à mão e não vejo a hora das doze badaladas, para me encher de emoção gustativa, com o “poc” do vinho, as mãos do meu Pedro e o sorriso desdentado das minhas loiras.
Não há nada como fazer com carinho a cama onde nos vamos deitar!

Comentar

Tirem-lhes as pilhas…

…ou dêem me uma bateria nova.

Entrei a pé juntos nesta quinzena de Verão com as loiras. Vinha rebentada das milhas em aviões, das viagens em Trabalho, dos dias de quinze horas. Sei que não vos acolhi com o mesmo colo com que vos recebi no ano passado. Não falo com arrependimento, porque o que já vai, lá vai. Mas falo com um bocadinho de pesar sobre a consciência activa. Faltou-me tempo mental para vos gozar, faltaram-me as horas necessárias de sono, para virar brinquedo, faltou-me a vontade pragmática para vos alimentar e cuidar. Dei-me pouco, reconheço. Dei-me menos de mim a mim e pouco de mim a vocês. Sei que um dia, quando a maturidade lúcida vos fulminar, vão perceber nas razões do meu cansaço. Não peço desculpa porque tenho crédito de mimo que chegue para as vezes que me ausentei. Vou sentir apenas para mim. Vou digerir com carinho, para não esgravatar na culpa, e daqui a umas semanas, quando voltarem para o meu regaço, prometo uma bateria carregada. Dar-vos ei o tempo na medida justa, os abraços desmedidos e vou reaprender convosco a ser brinquedo nas vossas mãos. Desta mãe que vos adora e que já sonha com esses dias. IS

BONMIGNON | Isabel Saldanha Photography-54

BONMIGNON | Isabel Saldanha Photography-9

BONMIGNON | Isabel Saldanha Photography-12

BONMIGNON | Isabel Saldanha Photography-16

BONMIGNON | Isabel Saldanha Photography-20

BONMIGNON | Isabel Saldanha Photography-24

BONMIGNON | Isabel Saldanha Photography-26

BONMIGNON | Isabel Saldanha Photography-29

BONMIGNON | Isabel Saldanha Photography-32

BONMIGNON | Isabel Saldanha Photography-48

BONMIGNON | Isabel Saldanha Photography-52

Comentar

Lets go girls

Idosa atrevida
Não me posso queixar, porque a custódia partilhada das loiras, permite-me galhofar 15 dias por mês. Não posso reclamar, porque desde que sou gente grande, que viajo com amigas e amigos por períodos consecutivos de duas semanas, pelo menos uma vez por ano. Não posso resmungar porque tenho a sorte de ter uma profissão sem horários e posso beber vinho no meu local de trabalho. Não me posso irritar com a chuva porque ela é um pressuposto estável de Novembro. E não posso barafustar com a vida porque conquistei a pulso a propriedade do meu tempo.
E porque estou privada de uma boa dose de reclamações, fruto do caminho que escolhi, só posso dizer, que hoje vou curtir com as minhas amigas, falar mansinho das pessoas que adoramos e lançar desafios ao Globo, de agenda aberta sobre a mesa e copo para brindes avulsos nas nossas mãos. Táxi a caminho.
Bora lá:)

Comentar