Blog Archives

MEU, MINHA, NOSSO

all-black-daily-cristina-1

Sexta-feira lançaste um perfume de homem na Moda Lisboa. Estás sempre a lançar coisas.
Identifico-me contigo, nisso. Não consegues estar parada e isso faz com que tudo mexa à tua volta.
Mas na sexta feira não me consegui mexer. Não do sofá, não dos 1001 Dalmatas que estava a dar na televisão e não, do colo das minhas filhas.
Mandei-te uma mensagem a dizer que não ia. Era tão teu quanto MEU o momento. E só porque és um bocadinho MINHA também, percebeste o quanto isto é NOSSO.

Shooting for Daily Cristina
Styling: Joyce Doret
Make-up: Inês Franco
Location: Hotel Inglaterra

all-black-daily-cristina-9

all-black-daily-cristina-2

all-black-daily-cristina-10

all-black-daily-cristina-13

ye2a6324

all-black-daily-cristina-7

all-black-daily-cristina-12

all-black-daily-cristina-4

all-black-daily-cristina-5-copy

Comentar

O QUE APRENDI COM O HOMEM QUE CHAMEI DE PAI

10629431_1100438213315148_3427262734772731673_o

Estou há mais de uma hora no Aeroporto regional de Medellin à espera que as condições meteorológicas libertem o voo. Foram aqueles dois segundos generosos que pedi ao criador, para ter tempo útil de descarregar fotografias, pôr me a par das notícias, levantar dinheiro, mandar mensagens aos amigos, escrever e sentar o rabo irrequieto por uns momentos. Aqui onde estou há muito burburinho à medida que os voos vão sendo cancelados e adiados.
Entretanto já organizei as 1.800 fotografias que tirei até agora para prosseguir animadamente com a minha reportagem da Colômbia.
Quero contar tanto, de tudo o que já vi e vivi aqui, que às vezes engasgo entre a escolha das melhores fotografias e das palavras certas.
Hoje é Dia do pai já pus o meu post tributo pela voz das loiras. Mas acho que posso acrescentar mais qualquer coisa a um tópico que me é sensível. Não tive a sorte de ter um bom pai, pensando de forma razoável, acho que não cheguei sequer à sorte de o ter.
Os rasgos da pouca convivência familiar não deixaram sobras para amaciar a saudade. Se fosse dada ao lamento sofreria com a ausência do que não tive. Sou sincera, invejo cada post de tributo que li hoje, cada fotografia queimada pelo tempo que vejo, cada palavra sentida que escrevem. Não tenho, nunca tive e nunca terei essa sorte. A vida deu me um avô que sublimou o afecto que a minha história não quis desenhar na figura de um pai.
Talvez por isso fui sempre tão cuidadosa na relação que sonho para as minhas filhas, no afecto que lhes desejo, na admiração, na candura, na referência, no afecto, na presença e na educação do pai, o pai que têm a sorte continuada de ter.
Talvez também por isso, tenha tido o cuidado de minimizar o ego e de dar asas à maior aprendizagem de generosidade do meu carácter, para que mesmo separados fossemos sempre amigos.
E um pai amigo da mãe é sempre um pai melhor.
E a prova é me confirmada por elas todos os dias.
Não sou mestra de coisa nenhuma, mas se pudesse, não deixava que nenhum ser se fizesse adulto, sem a capacidade de se suplantar a si mesmo, aos seus erros e rancores, possibilitando que a pessoa com quem um dia desejamos o melhor fruto comum, possa ter todas as ferramentas que precisa para lhes edificar o melhor dos castelos.
Hoje não posso pôr um desses textos que invejo, nem socorrer as boas memórias com uma fotografia queimada. Mas se calhar hoje, também já não lamento o que não tive, só porque a vida me foi ensinando a ver tudo o que já tenho.

Comentar

WORKSHOP Iniciação à Fotografia & Escrita Criativa

workshops foto e escrita

WORKSHOP DE INICIAÇÃO À FOTOGRAFIA

O Workshop realiza-se no dia 31 de Janeiro (Sábado) das 10h00 às 17h30 em Alfama | Lisboa.

É destinado a pessoas com um nível de conhecimento fotográfico básico, entendendo-se por isto o uso da máquina fotográfica em modo automático, desconhecimento da maioria dos menus e pouca ou nenhuma prática em uso manual (manipulação de aberturas e velocidades).

O Workshop é 70 % prática, com vários exercícios em contexto real. Sendo o conteúdo teórico distribuído da seguinte forma:

  • Máquinas e Menus (Quick Review)
  • Relação com o fotografado
  • Luz:  Aberturas e Velocidades, Panning
  • ISO – Sensibilidade à luz
  • Pontos de foco e medição de luz
  • Enquadramento

Relembro que o nº de vagas é limitado a 12 pessoas, pelo que envio em anexo as condições e valores para efectuar a sua inscrição.

Deverá enviar email com os dados abaixo solicitados: 

  • Nome: 
  • Profissão: 
  • Data de Nascimento: 
  • Email:
  • Contacto:
  • Conhecimentos fotográficos:
  • Marca e Modelo da Máquina*:

(Anexar comprovativo do pagamento do valor da inscrição) 

* Não são aconselhadas máquinas compactas.

O valor total do Workshop são 150 € 


WORKSHOP DE ESCRITA CRIATIVA

O Workshop realiza-se no dia 1 de Fevereiro (Domingo) das 10h00 às 17h30 em Alfama | Lisboa.

O que é que é preciso para frequentar o Workshop: Vontade, boa disposição, fome de letras e paixão.

Deverá enviar email com os dados abaixo solicitados: 

  • Nome: 
  • Profissão: 
  • Data de Nascimento: 
  • Contactos (Email e Telemóvel)

O valor total do Workshop são 80 € 

Material Necessário:  Bloco e Caneta ( vulgo papel e lápis)


CONDIÇÕES

Para formalizar a inscrição e assegurar a vaga deverá liquidar 50 % do valor correspondente à inscrição através do NIB: 0033 0000 00042544507 57 | Millennium BCP *

* Todas as transferências devem ser notificadas com o envio do comprovativo para o email: isabel@isabelsaldanha.com

Notas

Para se inscrever no Workshop é indispensável possuir uma câmara. O pagamento da inscrição deve ser realizado de imediato para garantir a vaga, sendo o restante valor, pago até ao dia do workshop, através do NIB: 0033 0000 00042544507 57 | Millennium BCP (Nota: Todas as transferências devem ser notificadas com o envio do comprovativo para o email: isabel@isabelsaldanha.com

Quando as transferências bancárias forem feitas por outra pessoa que não os mesmos, estes devem informar sempre por e-mail, qual o nome da pessoa que efectuou o pagamento. Se o participante pretender desistir da frequência do workshop, o valor da inscrição não será devolvido.

A ficha de inscrição enviada só será considerada efectiva quando tiver sido liquidada o valor da respectiva inscrição do Workshop. Se o pagamento não ocorrer até uma semana antes da data do WSP, não será considerada a inscrição. Quando as transferências bancárias forem feitas por outra pessoa que não os mesmos, estes devem informar sempre por e-mail, qual o nome da pessoa que efectuou o pagamento. Se o participante pretender desistir da frequência do workshop, o valor da inscrição não será devolvido.

Comentar