Quem é a Isabel Saldanha?

Isabel Saldanha

É engraçado que toda a gente se inibe em falar sobre si mesmo, como se o pressuposto do auto-elogio das nossas qualidades fosse uma arrogância, e não apenas o que devia ser, um fenómeno fabuloso de auto-conhecimento. A Isabel é uma tipa muita feliz, um espírito sagaz e curioso, que se deita todos os dias amuada por ter que fazer uma pausa de sono em tudo o que é vida. A Isabel é uma gaja que me cansa, porque quer fazer mil coisas ao mesmo tempo, excedendo mesmo os limites impostos à condição feminina. A Isabel é uma boémia, hedonista, que troca a monotonia do sofá por uma seca colectiva bastando, para isso, que seja outdoor e tenha bom vinho. A Isabel é uma romântica, perfeccionista. A Isabel é uma bem disposta que vive para dizer “Bom dia” em voz alta. A Isabel é desapegada e impulsiva. A Isabel tem defeitos como toda a gente, mas como é optimista não se inibe em dar palco às suas qualidades. A Isabel vive dentro de mim e é um prazer dar- lhe abrigo mesmo que, para isso, me compita a missão de arrastar o seu esqueleto cansado até ao próximo desafio.